Tendências de carreira na área de Direito

Blog Carrerias Paralelas - imagem 2A área de Direito existe desde a época de Roma, ou quem sabe até antes. A palavra “advogado”, por exemplo, vem do latim “ad vocatus”, que significa o que foi chamado. No Direito romano essa expressão se referia à terceira pessoa que era chamada perante o juízo para falar ao favor de alguém ou defender seu interesse. Assim, o Direito é uma área que existe há séculos e muitos de seus princípios surgiram lá atrás e nossa sociedade ainda leva em conta, mas do outro lado o Direito é uma área que não para de crescer e de inovar, se adaptando aos novos tempos e mudando conforme a sociedade precisa.

Uns desses exemplos são novos ramos que vê surgindo e crescendo na área do Direito. O Direito da Tecnologia da Informação é uma área que até antes da invenção e do massivo uso dos computadores e da internet não existia, pois não havia uma demanda. Com o Marco Civil, por exemplo, a tendência é que os advogados tendam a ficar cada vez mais interessados nessa área tecnológica, já que no Brasil ainda há poucas leis que regulem o uso e as consequências de tal tecnologia. Assim, a sociedade demanda da Justiça e dos advogados um aperfeiçoamento e conhecimento maior sobre tecnologia da informação para que possam ser defendidos perante o juízo. Demais áreas que seguem a tendência de TI são a Ambiental, Telecomunicações, Agrobusiness, Biodireito, Médico e Seguro.

Outra área crescendo por engajamento da própria população é o do Direito comercial. Tal ramo tem o objetivo de tornar mais justas e honestas as práticas comerciais sejam por parte de empresas ou pela parte dos consumidores. Com a difusão da informação e da comunicação de massa, mais consumidores hoje em dia acabam conhecendo seus direitos relacionados ao comércio entre empresas e marcas, então caso algo ocorra elas estão mais preparadas para buscarem tal tipo de ajuda judicial.

Áreas como a Trabalhista, Tributária, Cível Contratual e Recuperação de Créditos tendem a crescer nos próximos períodos em razão ao atual ciclo econômico brasileiro e do mundo, com o alto endividamento das famílias e leve estagnação econômica que talvez o país sofra por razões macroeconômicas.

Ouvimos falar muito hoje em dia sobre o baixo nível de fertilidade do Brasil atualmente, o que fará que tenhamos daqui alguns anos uma grande população na faixa dos 35 a 60 anos. Consequentemente, a área Previdenciária é a que tende a ter o maior incremento de ciclo longo, nos próximos vinte anos, já que a demanda por parte do grupo etário será grande.

Falando sobre o mercado da advocacia, há uma tendência entre empresas optando pela contratação de escritórios de direito que se posicionam como abrangentes (limitados), sendo preparados para entregar serviços jurídicos em todas as áreas do Direito.

Natália Nemoto

Felsberg

 

Anúncios
Esta publicação foi postada por peopleandresults.
%d blogueiros gostam disto: